A tecnologia à serviço do ensino acadêmico da Sagrada Escritura

O Studium Biblicum Franciscanum é uma instituição científica para a pesquisa e o ensino acadêmico das Sagradas Escrituras e a arqueologia dos países bíblicos.

 

Foi concebido pela Custódia Franciscana da Terra Santa em 1901 e opera continuamente desde 1924.

 

Mas mesmo a instituição secular com sede no Convento da Flagelação teve que introduzir adaptações nunca imaginadas.

 

Fr. CLAUDIO BOTTINI, ofm

Studium Biblicum Franciscanum - Jerusalém

"Eu vivo aqui há mais de 42, 43 anos e dou aulas há 40 anos, desde janeiro de 1980. E este ano, tive a alegria, e também a surpresa, de concluir meu ensino com um curso sobre a obra lucana - ou seja, o terceiro evangelho, o Evangelho segundo Lucas e os Atos dos Apóstolos - com o qual comecei há 40 anos. A surpresa foi ter parte das lições com alunos na sala de aula e uma segunda parte fazendo aulas através do Skype."

 

O SBF mantém suas portas fechadas, mas suas atividades continuam a toda velocidade, graças às aulas on-line. Um desafio para professores e alunos.

 

Fr. ROSARIO  PIERRI, ofm

Decano Studium Biblicum Franciscanum - Jerusalém

"Tomamos as decisões gradualmente, ao tomar conhecimento da seriedade do fato, da epidemia. É claro que ter o aluno na sala de aula é algo totalmente diferente: pelo menos no que me diz respeito a matéria que ensino, prefiro ter um relacionamento direto com os alunos porque posso fazer perguntas. Posso fazer  as mesmas coisas online, mas leva muito mais tempo."

 

Na atividade didática, o SBF presta especial atenção às línguas bíblicas: hebraico, aramaico, grego ...

 

Fr.MASSIMO PAZZINI, ofm

Studium Biblicum Franciscanum - Jerusalém

"As aulas de hebraico on-line exigem que você tenha um texto em mãos. Tanto para mim quanto para os alunos. Um texto sob seus olhos, para que você saiba exatamente o que está fazendo. Graças a Deus, você também pode ensinar idiomas com esses novos sistemas digitais, e devo dizer que estou muito feliz."

 

Don MAURO EVANGELISTA

Estudante do Studium Biblicum Franciscanum - Jerusalém

"Nas aulas on-line, não encontrei nenhuma dificuldade. Obviamente, devemos começar pelo fato de que a lição é diferente. Porém, se tem a possibilidade de ter a mesma tutoria, a possibilidade de olhar para o professor, a mesma possibilidade de ser seguido por ele. Obviamente, falta o contato que existe na sala de aula, há coisas que precisam ser organizadas de outra maneira. Mas seguramente a qualidade não diminuiu, de fato, em alguns aspectos, também pode-se dizer que a qualidade aumentou. Isso se deve muito ao profissionalismo dos professores, à  competência e à maneira como eles abordaram essa nova situação."

 

Mas as novidades não param por aqui

 

Fr. ROSARIO  PIERRI, ofm

Decano Studium Biblicum Franciscanum - Jerusalém

"Nos últimos três dias, foram realizadas três discussões de tese, uma das quais ocorreu aqui - porque os professores e o aluno são hóspedes aqui - e duas on-line, e elas foram muito boas. Temos uma resposta positiva  mas... é claro, esperamos que essa situação passe o mais rápido possível."

 

Na terça-feira, 21 de abril, o estudante Federico Claure discutiu a tese de Licença em Ciências Bíblicas e Arqueologia. Comissão Pazzini - Geiger. Esta é a primeira defesa que, devido à emergência ao Covid-19, foi realizada on-line: a comissão foi convocada na Sala III, enquanto o candidato estava conectado da cidade de Assis na Itália.

 

Também essa defesa de tese ocorreu online, com o prof. Demerci conectado do seu convento e a candidata conectada das ruínas da antiga sinagoga de Mágdala, ambientação perfeita para o conteúdo da tese que estava sendo discutida. E na face do Fr. Eugenio Alliata, a satisfação era evidente...

 

JOHANNA

Reino de cristo

"Foi uma coisa realmente inesperada. Mas era uma bela possibilidade da Providencia. Falei sobre a função da sinagoga no primeiro século e tive a sorte de poder fazer isso diretamente de uma sinagoga do primeiro século, aqui em Mágdala: o projeto desenvolvido aqui, junto com os professores e os cursos que segui no Studium Biblicum, me inspiraram para minha tese... foi realmente um presente da Providência."

 

Fr. MASSIMO PAZZINI, ofm

Studium Biblicum Franciscanum - Jerusalém

"Há dois dias, fizemos a primeira dissertação on-line e fiquei com um pouco de medo de como seria. Temia pela qualidade das imagens, pelo áudio e pelo vídeo. Na realidade foi uma coisa muito bonita. Conseguimos fazer uma coisa muito normal, até tiramos a foto final: os dois professores - o diretor / moderador e o supervisor da tese - e no meio,a tela do computador, onde estava o aluno."

 

Fr. CLAUDIO BOTTINI, ofm

Studium Biblicum Franciscanum - Jerusalém

"Foi uma surpresa chocante em alguns aspectos, eu nunca imaginaria isso como a maioria das pessoas de hoje. No entanto, vi com surpresa como os jovens, sobretudo os freis mais jovens mas também os estudantes, conseguiram se adaptar."