Christian Media Center chega à Ásia 

Christian Media Center ampliou as línguas de transmissão de seu noticiário semanal. Recentemente, na verdade, as notícias produzidas pelo centro multimedial da Custódia da Terra Santa, fundado em 2008 em Jerusalém, alcançaram um novo público na Ásia, graças às traduções para a língua chinesa e ao idioma indonesiano. Através do site-web, a Terra de Jesus, portanto, pode chegar, com sua espiritualidade e sua beleza, também aos países mais longínquos. 

“Já publicávamos conteúdos em nosso site-web em sete idiomas: Inglês, Italiano, Português, Espanhol, Francês, Alemão e Árabe. Para chegar a mais pessoas, decidimos aumentar os idiomas disponíveis”, conta Cristiano Assunção, Diretor do Christian Media Center. Assim se chegou à ideia de acrescentar ao site também o idioma chinês e começar um longo trabalho, terminado há poucos meses. Protagonistas dessa obra são as Filhas do Coração Imaculado de Maria, um grupo de três consagradas provenientes da China, chamadas à Terra Santa pelos Frades da Custódia. “Os Franciscanos da Terra Santa nos quiseram aqui para que pudéssemos ajudá-los a guiar as peregrinações de grupos de língua chinesa – conta a Madre superiora da comunidade -. Antes da pandemia chegavam muitos grupos e não havia católicos suficientes que pudessem guiá-los nesta terra”. 

O trabalho de tradução no site começou em 2019 e, não obstante as dificuldades devidas aos empenhos e a pandemia do Covid-19, foi concluída em outubro de 2020, com a publicação da nova língua no site do Christian Media Center. Agora, a secção chinesa pode também contar com a colaboração de Stanislaus Lee, tradutor profissional, enquanto para os serviços com vídeo são as Irmãs mesmas que emprestam a própria voz. Em algumas regiões da China o site resulta obscuro, assim como o canal de Youtube em Chinês, mas as religiosas não desistem. “Não importa: queremos difundir as notícias sobre a Terra Santa e por isso as fazemos circular, por exemplo, no WeChat, um aplicativo muito popular na China – explica uma das Irmãs -. Especialmente neste período de lockdown e quarentena, as pessoas estão em casa, têm menos trabalho, rezam e estão sedentas por notícias sobre a Terra Santa”. O vídeo sobre Natal, as missas nos Lugares Santos, os conteúdos ordinários são muito apreciados e foram visualizados também outros lugares em que se fala o idioma chinês, como na Malásia, Singapore, Coreia, Hong Kong. 

“Iniciei em dezembro de 2020 a publicar no Youtube os primeiros vídeos em língua indonesiana, traduzidos pelo Christian Media Center”, conta Fr. Theodorus Beta Herdistyan, frade indonesiano a serviço no convento de Nazaré. Já nos anos passados o Frade possuía um próprio canal de Youtube em que explicava aos indonesianos alguns aspectos da Terra Santa e os santuários. Desde novembro, iniciou seu serviço sistemático de tradução dos vídeos do Christian Media Center, que eram, depois, partilhados no Facebook e no Instagram dedicado à Terra Santa. “Em Nazaré, sou capelão de grupo de imigrantes filipinos, que estão aqui e Afula. Antes da pandemia, guiava grupos de peregrinos e há exatamente um ano tive o último grupo”, explica o Frade. Missionário na Terra Santa, desde 2013, Fr. Theodorus conta que eram muitos os que lhe pediam notícias sobre a Terra Santa. Assim nasceu seu empenho no web, em colaboração também com os outros Frades indonesianos

Em menos de dois meses, o canal Youtube conta já com mil inscritos, graças também à obra de difusão do Comissariado da Terra Santa de Jakarta. “Muitos indonesianos desejariam vir aqui, mas não podem, sobretudo neste tempo de pandemia - afirma Fr. Theodorus -. Então, partilhar esses vídeos torna-se um pouco como levar até ali a Terra Santa e fazer com que ela seja conhecida”. 

 

Beatrice Guarrera