Dar Al-Majus, casa de cultura e solidariedade em Belém

O Centro Histórico de Belém está repleto de lugares de grande importância religiosa, cultural e arquitetônica. No dia 13 de outubro, a poucos metros da Basílica da Natividade, a Associação Pro Terra Santa inaugurou a exposição Dar Al-Majus “Casa dos Reis Magos”. A testemunhar a autenticidade da presença cristã na cidade do nascimento de Jesus, este edifício, que preservou o seu encanto histórico ao longo dos anos.

VINCENZO BELLOMO
Ass. Pro Terra Santa – Belém
"Queremos que a Dar Al-Majus, seja uma “casa de cultura”; de assistência, de promoção ao trabalho no centro. O trabalho é o lugar "da alma", onde nos encontramos todos os dias, encontramos as pessoas, é o lugar onde ajudamos uns aos outros a se autodeterminar."

Fr. FRANCESCO PATTON, ofm
Custódio da Terra Santa
"A recuperação deste edifício é muito importante para a comunidade de Belém e, em particular, para os cristãos de Belém.
Uma vez concluída a restauração, será um espaço cultural que permitirá a peregrinos e turistas, visitantes da cidade de Belém, conhecer a tradição cultural palestina, por meio de mostras, exposições e encontros."

A Associação Pro Terra Santa juntamente com a Custódia da Terra Santa são responsáveis por salvaguardar e preservar a presença cristã na região e, em particular, cuidar dos jovens que vivem em condições difíceis. Esta “Casa” quer ser o lugar a contar a maravilha da mensagem do Nascimento de Jesus, para criar pontes entre as comunidades do Oriente e do Ocidente e entre a comunidade local e os peregrinos.

VINCENZO BELLOMO
Ass. Pro Terra Santa – Belém
"Fazemos este trabalho com paixão há vários anos e este espaço pretende ser um ponto de acolhimento e encaminhamento para atividades. A paixão que nos move a fazer tudo isso é a vontade de compartilhar nossa vida com a história das pessoas que aqui vivem e que são as protetoras deste lugar.
Tudo isso vamos contar aos peregrinos, aos visitantes, continuando - como temos feito nos últimos anos - a cuidar das pessoas que visitam, que vem a Belém."

JIRIES QUMSIEH
Diretor Ministério do Turismo e de Antiguidades
"A renovação deste edifício, cuja construção remonta ao início do século XX, não só ajuda a preservar o património cultural na Palestina, mas também dá a oportunidade de desenvolver propostas e programas turísticos para promover o turismo na Palestina. Este projeto também contribui para proporcionar espaços em benefício da comunidade local e, ao se apresentar como modelo, como um farol, quer mostrar ao mundo o que Belém e a Palestina possuem de autêntico, os bens e o patrimônio histórico que possuem há séculos."

A “Casa dos Reis Magos”, uma vez restaurada em sua beleza histórica, reabrirá suas portas para oferecer uma janela cultural sobre o patrimônio palestino, juntamente com a solidariedade e a hospitalidade, para todos aqueles que vivem e visitam a Terra Santa.

Fr. FRANCESCO PATTON, ofm
Custódio da Terra Santa
"Por estar ao lado da Basílica da Natividade, está em uma posição privilegiada e de alguma forma também se torna uma protetora da própria basílica; torna-se um lugar que faz com que a Basílica da Natividade também ajude turistas e peregrinos a entender a riqueza da história de Belém e da Palestina, e da cultura palestina"

 

 

Christian Media Center