Naim

naim naim

O vilarejo de Naim situado no declive setentrional de Jabal Dahi (Monte Dahi), deve a sua celebridade ao Evangelho, pois naquele lugar Jesus ressuscitou o filho da viúva.

“A cidade de Naim, onde o Senhor ressuscitou o filho da viúva, se situa a cinco milhas do monte Tabor, junto a Endor”. Com estas palavras Eusébio de Cesaréia, atesta a permanência da memória sagrada no séc. IV. Sobre acontecimentos posteriores, nos informa um testemunho anônimo (provavelmente do séc. V-VI), recolhido por um monge beneditino chamado Pedro Diácono (sec. XII): “Na casa da viúva, na qual o filho foi ressuscitado, agora existe uma igreja, e a sepultura na qual seria colocado existe até hoje.” Uma “bela” igreja existia ainda em Naim no século XIV (frei Nicoló de Poggibonsi), mas a partir do século XVI não se fala mais do que ruínas. A igreja atual, simples e modesta, foi construída em 1881 sobre os restos da antiga. Conserva duas valiosas pinturas do fim do século XIX. 
O vilarejo hoje em dia é totalmente muçulmano. 
O cemitério antigo devia estender-se a parte oeste do vilarejo, sobre os declives da montanha, onde se pode ver diversas tumbas escavadas na rocha. Um sarcófago romano em pedra é conservado contra a parede da igreja.

Os franciscanos da Terra Santa, não sem dificuldades como descreve brilhantemente M. Sodar de Vaulx (trad. P. E. Crivelli, Milano 1891, pp.473-475), puderam adquirir as ruínas e edificar em Naim uma igreja. Uma relação escrita naqueles anos e publicada no l’Osservatore Romano, e então na La Terra Santa di Firenze (1 maio 1882, pp.94-95), também nos informam os responsáveis pela reconstrução da igreja: Filippo de Montaltoveglio, guardião de Nazaré; Frei Giuseppe Baldi, procurador da Terra Santa na Galiléia e Pacífico Saleh drogomano da Terra Santa que se encarregou de grande parte da disputa com os que queriam colocar obstáculos a obra. O narrador recorda ainda do “chefe do vilarejo, honestíssimo muçulmano de ótimo coração” que “permitiu tomar água da única fonte próxima e tirar pedras do seu fundo: água e pedras quanto necessários para uma fábrica, mesmo sendo recursos escassos no lugar”.

naim naim
naim naim

Ressurreição do filho da viúva
Em seguida, Jesus foi a uma cidade chamada Naim. Os seus discípulos e uma grande multidão iam com ele. Quando chegou à porta da cidade, coincidiu que levavam um morto para enterrar, um filho único, cuja mãe era viúva. Uma grande multidão da cidade a acompanhava. Ao vê-la, o Senhor encheu-se de compaixão por ela e disse: “Não chores!” Aproximando-se, tocou no caixão, e os que o carregavam pararam. Ele ordenou: “Jovem, eu te digo, levanta-te!” O que estava morto sentou-se e começou a falar. E Jesus o entregou à sua mãe. Todos ficaram tomados de temor e glorificavam a Deus dizendo: “Um grande profeta surgiu entre nós”, e: “Deus veio visitar o seu povo”. Esta notícia se espalhou por toda a Judéia e pela redondeza inteira. 
Lucas 7,11-17

Jovem, eu te digo, levanta-te!” (Lc 7,11-17); Eis que teu filho vive (1 Re 17,17-24); tudo concorre para o bem daqueles que amam a Deus (Rm 8,26b-29).

Preces e orações
Deus ajuda e protege o povo que escolheu e o chama a bem-aventurança de seu reino. Lembrados de seus benefícios, digamos: Nós confiamos em vós, Senhor.
Nós te pedimos, Senhor, pelo nosso Santo padre o Papa N. Pelo nosso patriarca N., guia-os e protege-os com o teu Espírito
Que os nossos irmãos enfermos se sintam participantes da paixão do vosso Filho, com eles condividamos a graça e a consolação. Olhai com bondade as famílias sem teto que possam haver suas casas e um lugar seguro na sociedade.Concedei e conservai os frutos da terra e do trabalho, para que não falte a ninguém o pão de cada dia.

Oremos: Deus grande e misericordioso que quisestes que Jesus, o vosso filho, movido de compaixão, recuperasse a vida do filho da viúva, afastai todos os obstáculos em nosso caminho até vós, para que na serenidade do corpo e do espírito, possamos nos dedicar livremente ao vosso serviço. Por Cristo nosso Senhor. Amém

Responsável pelo santuário
Convento di Terra Santa 
Basilica della Ss.ma Annunziata 
P.O.B. 23 
16100 Nazareth Israel

Tel.: 04-657.25.01 
Fax: 04-646.02.03

Horário de abertura do Santuário
Todos os dias: 5.30 - 18.00