O convento franciscano de Washington D.C. hospedou o evento anual da Fundraising

Mais de 250 amigos e benfeitores dos franciscanos da Custódia e do Convento Franciscano da Terra Santa, em Washington D.C., participaram da Missa e da Gala Anual de sábado, 09 de novembro. O Custódio da Terra Santa, Fr. Francesco Patton, presidiu a Santa Missa na igreja do Convento e durante noitada expôs algumas de suas reflexões sobre a missão franciscana, acrescentando uma série de considerações no contexto da celebração dos 800 anos do encontro de S. Francisco com o Sultão al-Malik al-Kamil.

Também neste ano o Padre Custódio entregou a medalha Grato Animo (Alma Agradecida), reconhecimento dado pela Custódia aos que se distinguiram no empenho de melhorar a vida dos cristãos e de quem vive na Terra Santa e que apoiaram a missão da Custódia.
Neste ano jubilar, a medalha Grato Animo foi conferida ao Reino Hashemita da Jordânia, na pessoa do Embaixador da Jordânia nos Estados Unidos da América, pelo empenho de sua Majestade Rei Abdullah II e o povo jordano na promoção pacífica entre as pessoas e a atenção ao diálogo inter-religioso. A Jordânia possibilitou a muitos franciscanos de poder exercer seu ministério e guiar grupos de peregrinos, gozando da amizade e hospitalidade de seus habitantes, de suas maravilhas naturais e de seus lugares históricos, importantes para a história dos crentes de diferentes religiões.

A retirar o prêmio foi a Embaixatriz Dina Kawar, Embaixatriz extraordinária e plenipotenciária do Reino hascemita da Jordânia nos Estados Unidos da América, cargo que ocupa desde junho 2016. Antes, era representante permanente da Jordânia junto às Nações Unidas (de agosto 2014 a junho de 2016). Durante aquele período, foi a primeira mulher árabe a presidir o Conselho de Segurança das Nações Unidas, quando a Jordânia era membro permanente do Conselho de Segurança.
Em suas observações, a embaixatriz Kawar elogiou o trabalho da Custódia através da Escola Terra Santa de Amam e o Memorial de Moisés no Monte Nebo, sublinhando o trabalho arqueológico de Fr. Michele Piccirillo. Sublinhou que sua Majestade, o Rei Abdullah, recebeu o prêmio Lamp of Peace (Lâmpada de Paz), em março deste ano, na Basílica de S. Francisco, em Assis, Itália. Naquela ocasião o Rei referiu-se a Francisco “de como Francisco é conhecido em todo o mundo por sua compaixão para com toda pessoa e todos os seres vivos. Tal amor é guia importante para nós, hoje”.
Durante a ceia foi projetado um vídeo que descrevia a história do encontro de S. Francisco e o Sultão, que pôs em evidência o trabalho dos Franciscanos na Jordânia.
Mons. W. Ronald Jameson, Reitor da Catedral de S. Mateus, em Washington, D.C., e membro da Ordem Equestre do Santo Sepulcro de Jerusalém, presidiu a oração antes da ceia.

A Missa e a Ceia foram acompanhadas por música ao piano, tocada pela pianista Lynda Saponara e cantada pela mezzosoprano Jessica Renfro, cantora que se havia apresentada no Maggio Musicale Fiorentino, na Ópera de Tampa, na Ópera de Delaware, na Ópera de Dicapo, na Ópera de S. Petersburgo, etc.
Os hóspedes, que participaram da Celebração Eucarística, 
foram acolhidos por Fr. Larry Dunham, Guardião do Convento de Washington e Comissário da Terra Santa.

Fr. Greg Friedman