Instituto Tierra Santa: a Escola da Custódia em Buenos Aires

A Custódia da Terra Santa chega também a Buenos Aires. Na cidade argentina existe uma escola da Custódia, chamada Instituto Tierra Santa. “Temos 800 alunos, ao todo, nos vários ciclos, desde o nível materno ao primário e secundário – explica Fr. Rafael Sube Jiménez, representante legal da escola -. Dos alunos, 90% são cristãos e os demais, em sua maioria, são chineses”.
As crianças do Instituto Tierra Santa, aos três anos, começam a frequentar e encerram a frequência ao chegar aos dezassete ou dezoito anos. A escola é administrada principalmente por leigos.
“Há fortes laços com a Terra Santa – continua Fr. Rafael - . Oito anos atrás, iniciamos a tornar conhecida a Custódia da Terra Santa aos estudantes e professores. Também estamos começando a levá-los à Terra Santa através de peregrinações. Tudo isso começou em 2009, quando cheguei ao Instituto”. Foi necessário ao Frade, primeiramente conhecer a realidade da escola de Buenos Aires, para tornar a Terra Santa viva e conhecida.
“Iniciamos a trabalhar sobre S. Francisco e seu amor pela Custódia da Terra Santa – conta Fr. Rafael - . A diferença que existe entre nossa escola e as outras é que nossos alunos são, sobretudo, cristãos. Isso nos possibilta realizar atividades diferentes”.
As crianças e os jovens são assim acompanhados num percurso catequético, durante vários anos, também através de um gesto simbólico. Os que se encontram no nível inicial têm o primeiro encontro com a imagem de S. Francisco de Assis e da Igreja, através de celebrações adaptadas à idade, com orações e cantos para crianças. Isso acontece no nível primário, depois de uma série de Catequeses, há a entrega do Pai Nosso, da figura de Maria, a entrega da Palavra, a Primeira Comunhão, o terço missionário, a entrega do Tau e do sacramento do Crisma. Depois são feitos projetos missionários de estilo franciscano, em diferentes erapas. Chegados ao nível secundário, tornam-se jovens animadores franciscanos, com missão de ser solidários com as pessoas em necessidade. Todos os níveis têm encontro com a Custódia da Terra Santa, através de visitas dos Diretores gerais das escolas da Custódia.
Os jovens de Buenos Aires são, assim, motivados a visitar a Terra de Jesus, a fim de que a Custódia da Terra Santa possa ser instrumento para chamar a todos, também os de longe, aos lugares da fé.